Qualidade de vida e hemodiálise: como o tratamento pode ser o início de uma nova vida

Um tratamento renal pode ser difícil, mas não precisa trazer tristeza. É possível ter qualidade e aproveitar ainda mais a vida através da hemodiálise. 

A Nefroclínica é um centro de referência em tratamentos de Nefrologia e humanização, além de salvar vidas todos os dias (principalmente através da diálise), lutamos para que cada um de nossos pacientes tenha total consciência de que pode levar uma vida digna, saudável e feliz. No artigo de hoje, escolhemos abordar o tema qualidade de vida. Acompanhe! 

Tratamento renal 

Receber a notícia de uma doença renal crônica pode causar um grande impacto, a informação muitas vezes vem repentinamente e causa uma surpresa ao paciente e sua família.  

Diante desta notícia, muitas pessoas se abalam emocionalmente, o que é completamente compreensível, afinal, são várias mudanças no estilo de vida a partir daquele momento.  

É preciso aceitar e acolher este sentimento, porém, é preciso também elaborá-lo e garantir espaço para ressignificar sentimentos e pensamentos. Nesse contexto, a ajuda da psicoterapia também é muito bem-vinda.  

Nova rotina 

Para os pacientes que entram em tratamento de hemodiálise, é preciso comparecer à clínica ou ao hospital, por volta de três vezes na semana. Mesmo com o compromisso fixo, é possível criar uma rotina de novos hábitos, sempre mirando na qualidade de vida.  

Aproveite as horas da hemodiálise para ler, assistir filmes e séries, praticar artesanatos. Faça desse momento algo prazeroso, converse e divirta-se! 

Rede de apoio 

Durante esta jornada é importante contar com o apoio da família, amigos e cuidadores (quando houver).  

Em tempos de pandemia, é possível usar a tecnologia a nosso favor, faça ligações, videochamadas, retome contatos e mantenha suas amizades fortalecidas.  

Ressignificação  

Trabalhar sua resiliência será fundamental, assim, você terá recursos internos fortalecidos para enfrentar qualquer possível adversidade.  

Como dito anteriormente, compreender a nova rotina, otimizá-la, entender seus limites e, acima de tudo, suas potencias será um fator importante para sua adaptação a doença renal crônica.  

Vida comum  

Por fim, reforçamos, o paciente renal é capaz de levar uma vida comum! É possível praticar atividades físicas, viajar, ter filhos e aproveitar as oportunidades da vida. 

Com o avanço da tecnologia e da medicina, os tratamentos de diálise se tornam cada vez mais eficazes. Como complemento, é importante que o paciente entenda a hemodiálise como uma nova oportunidade em vida. Aderindo ao tratamento com mais facilidade e avaliando positivamente o uso da máquina, algo que o mantém vivo.  

Há também, em alguns casos, a oportunidade de optar pelo tratamento de diálise peritoneal (tratamento domiciliar) e / ou o transplante renal. São alternativas que também ajudam o paciente a levar uma vida comum, cheia de oportunidades. 

Conclusão 

Dessa forma, a equipe Nefroclínica deseja a todos seus pacientes os melhores sentimentos e afetos. Esperamos que cada um e vocês possa resgatar sua força e viver com esperança. Que você viva plenamente todas as possibilidades, respeitando seus limites. Durante esse caminho, conte com nossa ajuda!  

Confira nossas dicas para Fortalecer o corpo e a mente na pandemia .

Outras Notícias: